sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Guerra Civil em Uganda

HÁ. Desculpem o título mas é apenas uma provocação à todos aqueles que, quando disse que viria à Uganda, ficaram me dizendo que era perigoso, pois era guerra para todo lado, mortes, violência... ai ai, esses ocidentais viu...
Arrisco dizer que nosso querido Brasil é bem mais perigoso do que aqui. Especialmente para os mzungos.
Sofremos de uma "violência velada" e acusamos a mãe áfrica de ser um continente "naturalmente" violento e muito perigoso. De fato, no Brasil, não andamos armados ou presenciamos grandes ações governamentais em função dessa violência.
Já aqui, apesar de não termos essa violência crescente, vemos rifles constantemente. Os humildes seguranças de lojinhas usam rifles e nos revistam toda hora. Cheguei, inclusive, a ver um cara com um puta rifle andando de bicileta.
Se você for entrar em QUALQUER lugar, tem sua bolsa revistada e passa por detectores de metal.
E tudo isso em função de ataques de grupos terroristas somáli, supostamente, ligados à Al Quaeda, pois Uganda continua enviando exército à Somália em apoio ao governo. Desde o ano passado ocorreram algumas explosões que vitimaram várias pessoas.
Além disso, as eleições de fevereiro prometem acirrar os nervos da galera. A "democracia" ugandesa, cujo presidente está no poder a 24 anos (!!!), provavelmente não mudará muito a dinâmica do país, pois, a que tudo indica, o atual governante continuará no poder. Entretanto, os avisos são pra que não saiamos de casa por nada durante esses dias. Vamos ver o que vai rolar...
Outro fato muito triste ocorrido a dois dias atrás foi o assassinato de um dos principais líderes do movimento gay no mundo. Aqui está para entrar em vigor um lei que punirá com pena de morte os homossexuais (acho que 90% dos meus amigos não seriam bem vindos aqui, né maiara?).
A cerca de dois meses a foto desse líder apareceu em um jornal onde a matéria falava pra enforcarmos todos os homossexuais. Pouco tempo depois, o líder foi morto em sua casa e ninguém por aqui acredita em qualquer punição aos assassinos.
Calma..só dei um pulinho aqui pra falar um pouco da violência por aqui já que muitos me questionavam isso. Mas gostaria de deixar bem claro que NUNCA fui melhor tratada em minha vida. E isso vale como resposta aos que me disseram para tomar cuidado, pois os negros daqui ODEIAM os mzungos...Ahhhhh tá...queria ser mais odiada assim no Brasil.

4 comentários:

Maiara disse...

haha. você me ama mesmo né? a primeira pessoa gay que vem na sua cabeça sou eu, po! rs.

porra, que foda tudo isso né? ando muito curiosa, pensando se você não tá trombando com uns hutus exilados depois que a FPR tomou o poder em Ruanda. queria muito estar aí com vc. saudades demais.

te amo.

Sibeli disse...

tá bom Ba,será que erramos,nós ocidentais?tomara...que legal......

zenaide disse...

HOMEM BRANCO OU HOMEM ARCO- IRÌS
Quando eu nasci, era Preto
Quando cresci, era Preto
Quando pego sol, fico Preto
Quando sinto frio, continuo Preto
Quando estou assustado, também fico Preto
Quando estou doente, Preto
E quando eu morrer, continuarei Preto!
E Você Cara Branco
Quando nasce, você é Rosa
Quando cresce, você é Branco
Quando você pega sol, fica Vermelho
Quando sente frio, você fica Roxo
Quando você se assusta, fica Amarelo
Quando está doente, fica Verde
Quando você morrer, você ficará Cinzento.
E Você vem me chamar de Homem de Cor?!”
Homem Branco ou Homem Arco-Iris
Escrito por uma Criança Angolana
PENSEI EM VC BA BJS

flávio disse...

Oi ba... como está prima??? Fiquei muito preocupado com a situação que viajou para Uganda... melhorou??

Queria te dizer que nós ocidentais questionamos tanto sua escolha pois te amamos d+ (apesar de alguns arranca rabos as vezes rsrs) e estávamos com o coração na mão pelo sua escolha, principalmente por ser uma Mzunga despirocada como eh rsrs...

Estou muito apreensivo mas impressionado com tudo que nos relatou em seu blog e acompanharemos todos os dias suas aventuras.
Além disso sinto muito orgulhoso de ti por ser tão corajosa e guerreira ao adaptar-se a todas as dificuldades para seguir um caminho tão distante e novo em sua e nossas vidas!

Espero não demorar para revê-la e desejo que consiga aprender, ajudar e crescer ao máximo com essa experiência tão incrível.

Te amo muito, e todos estamos com muitas SAUDADES!!! Se cuide Nambatya!!! Bjos